Roubo no Paypal – Ladrão roubou 600 euros da minha conta

10
Roubo no Paypal - Ladrão roubou 600 euros da minha conta

Roubo no Paypal! Um ladrão roubou 600 euros da minha conta, em 2016. Mas foi tão amador que, para além de eu recuperar o dinheiro roubado, consegui identificá-lo.

Um caso insólito que lá teve um final feliz.

Roubo no Paypal – 600 euros roubados

Em Outubro de 2016, um ladrão qualquer roubou-me nada mais nada menos do que… 600 euros da minha conta Paypal! Não foi o meu saldo todo, mas foi grande parte dele. Fiquei de boca aberta, especialmente pelo facto de só usar a minha conta Paypal no PC Desktop de minha casa.

Esse dinheiro fazia parte do capital reunido para um projecto que estou a criar com outras pessoas, que consiste num jogo de futebol online totalmente grátis, o Football Legacy.

Como é que o ladrão entrou na minha conta e desviou o dinheiro? É algo que ainda estou para descobrir. O meu PC não apresentava qualquer tipo de malware, só utilizo o Paypal no meu computador pessoal e nunca dei nem gravei a password. Mas ao menos as coisas acabaram bem, graças á equipa de suporte.

 

Roubo no Paypal – Ladrão identificado

O email para qual foi desviado o dinheiro ficou registado na transferência entre Paypals, pelo que o ladrão tinha o nome de Licínio Rego.

licinio rego ladrão paypal 600 euros

 

Mal vi este roubo no meu Paypal, fui logo falar com os meus colegas de projecto. Contei-lhes o sucedido e eles ajudaram-me a reaver o dinheiro e a descobrir o ladrão, uma vez que o dinheiro era nosso, não apenas meu. A única informação que tínhamos era o email para onde foi enviado o dinheiro, e a partir dele, não conseguíamos chegar ás redes sociais.

Mas… quando andei a vasculhar a minha conta do Paypal, encontrei mais um pormenor interessante e decisivo na identificação do ladrão. O pormenor era a sua foto que ficou registada na lista de pagamentos enviados entre Paypals.

 

licinio rego identificado paypal

 

Ora, tínhamos o primeiro e último nome, assim como a foto. Através de uma pesquisa conseguimos identificar o autor do roubo dos 600 euros no Facebook.

 

licinio rego facebook

 

O miúdo tem apenas uns 18 anos, mas já anda a aprender umas coisas que não deve. Mas não… não lhe pedimos o dinheiro de volta e nem sequer entramos em contacto com ele.

E como é que depois eu recuperei o dinheiro? Fácil. Um dos meus colegas ligou para um dos contactos portugueses do Paypal, expôs a situação e o dinheiro foi-me devolvido na totalidade e rapidamente.

 

 

Concluindo…

Não quero com isto dizer que o Paypal não é seguro, atenção! Apenas que não é 100% seguro, pois não consegue evitar todo o tipo de tentativas de quebra de segurança. O suporte foi impecável no reembolso total.

Caso vos aconteça o mesmo, contactem logo o Paypal, de preferência por chamada que é grátis. Caso verifiquem que a culpa do roubo do dinheiro não é vossa, reembolsam-vos na totalidade, tal como me aconteceu. E lembrem-se que nada é totalmente seguro.

Não ganhei para o susto. Ao menos terminou tudo bem. 🙂

Comentários

comments